Novidades



Petrobras Reduz Preço Do Diesel Em 4,6% E Acaba Com Periodicidade Para Reajustes.

A partir de agora, os reajustes de preços de diesel e gasolina serão realizados sem periodicidade definida, disse a empresa. A Petrobras anunciou n...... [veja mais]

Milho E Algodão Garantem Novo Recorde A Mt.

Mato Grosso deverá colher na safra atual – 2018/19 – seu novo recorde de produção agrícola, graças aos volumes projetados para o milho safrinha e o al...... [veja mais]

Projeto De Lei: Saiba O Que Pode Mudar No Código De Trânsito Brasileiro

O Governo Federal anunciou projeto de lei de lei 3267, que altera algumas regras previstas atualmente no Código de Trânsito Brasileiro (CTB). A ideia ...... [veja mais]

Importação Fraca Em Abril E Maio Reforça Quadro Ruim Do 2º Trimestre

Nos dois últimos meses, compras de bens de consumo, insumos e bens de capital por empresas nacionais, têm registrado desempenho frágil, o que indica p...... [veja mais]

ARCOMAR - Associação dos Revendedores de Combustíveis!

Arcomar


Vendas de pesados crescem acima dos 50% até maio



As vendas de veículos pesados cresceram 51,6% no acumulado do ano até maio. Dados divulgados na última segunda-feira, 3, pela Fenabrave, entidade que reúne o setor de concessionárias e distribuição, mostram que foram emplacadas mais de 49,4 mil unidades no período entre janeiro e maio, na soma dos segmentos de caminhões e ônibus. Há um ano, este volume era de 32,6 mil unidades.

Vale lembrar que em 2018 o resultado do mesmo período acumulado tinha sido prejudicado pela greve dos caminhoneiros, que parou parte das atividades econômicas na última semana de maio, o que prejudicou o desempenho de vários setores. Naquele mês, os licenciamentos não chegaram a 7 mil unidades, na soma de caminhões e ônibus. Neste ano, o mês de maio foi positivo para o setor, com o emplacamento de 11,2 mil veículos pesados, volume quase 62% acima do registrado há um ano. As vendas de maio deste ano também foram 6,2% maiores que as de abril, quando o setor registrou o emplacamento de pouco mais de 10,6 mil veículos.

Entre os dois segmentos, as vendas de caminhões avançaram 46,8% no acumulado dos cinco meses do ano, para mais de 39 mil unidades. Em 2018, no mesmo período, os emplacamentos do setor de transporte de carga registravam 26,6 mil caminhões novos. O resultado isolado de maio mostra o desempenho ainda forte, com vendas de 9,1 mil caminhões, crescendo a 60,8% sobre as 5,7 mil de maio do ano passado, volume também negativamente impactado pela greve do setor naquela época.

No segmento de chassis de ônibus, as vendas somaram 10,4 mil unidades de janeiro a maio, 72,9% acima dos 6 mil ônibus vendidos em mesmo período de 2018. No resultado mensal, os negócios recuaram 2,1% na comparação com abril, com 46 unidades a menos emplacadas em maio. No entanto, os 2 mil chassis negociados no mês passado representam aumento de 66,6% sobre as vendas do segmento em igual mês de 2018, quando o volume foi de 1,2 mil.


Setcesp
07/06/2019